Ni Hao

Minha sogra faleceu há 10 dias e sei que ela viveu até morrer. Tem gente que encerra as atividades muito antes da morte física, dedicando-se ao nada durante anos. Não a Dona Maria José.Aos 92 anos ela resolveu que estava na hora de inovar. Já dominava varias línguas – inglês, alemão, espanhol, francês e até sapecava em russo. Nada mais natural que estudar mandarim. Contratou uma professora, espalhou papeis sulfite com seus estudos pela casa toda, dedicou-se. Nessa convivência com Léa, a professora, soube que ela tinha pai vivo, nos Estados Unidos. Que  era um homem recluso, deprimido, mal saía de casa. Então Dona Maria José teve uma idéia simples, pra colocar em prática esse idioma tão complexo. Escreveu cartas endereçadas ao pai de Léa. Escreveu sem conhecer seu rosto, sua casa, seus pensamentos, durante 3 anos. Escreveu para confortá-lo e – realmente – porque era mais interessante fazer isso que apenas empilhar o que estava aprendendo. No velório, Léa estava.  Falou pouco mas contou-nos essa história. As cartas da minha sogra foram um santo remédio. Curaram a solidão do pai. Deram-lhe ânimo. Ele venceu o nada , viajou até Taiwan, reuniu-se. Esse pai chinês, na America ou em Taiwan, vai sentir muita falta de Dona Maria José. Uma sogra extraordinária.                                                                     (RL)

Categorias: Uncategorized

Autor:reparei

"Se podes olhar, vê. Se podes Ver, repara." (José Saramago)

Assinar

Assine nosso feed RSS e nossos perfis sociais para receber atualizações.

19 Comentários em “Ni Hao”

  1. 12/03/2011 às 21:01 #

    Quero ser uma velhinha assim! Adoro isso.

  2. Sarah
    13/03/2011 às 21:01 #

    Que pena que ela se foi.
    Acho que nao existem mais pessoas assim.
    Ounse existem sao poucas…

  3. Fabienne
    13/03/2011 às 21:01 #

    sabedoria não se ensina se pratica!!!!maravilhaaaaa bjo Fabi

  4. maria theresa
    13/03/2011 às 21:01 #

    Sabia um pouco desse muito. Especial…

  5. 13/03/2011 às 21:01 #

    Que bom dividir seus “reparei”… que devem ser muito, muito interessantes…
    Você é sensível, observadora, criativa e muito suave… portanto tudo que precisamos para o nosso dia a dia neste mundo tão super informado de “durezas”…
    Aguardo ansiosamente…
    E sugiro que você nos deixe também “reparar” em quais são os seus websites e seus blogs preferidos incluindo os endereços no seu blog…
    Sobre a sua sogra, muito bonito este seu texto… Ela parece ter sido muito especial mesmo hein? Um exemplo para o desafio — nada fácil — que é se viver bem até a morte e não morrer antes…

    • 13/03/2011 às 21:01 #

      Obrigada Neiva! Ótima sugestão a sua. Bjsss

  6. Vera Wey
    14/03/2011 às 21:01 #

    Rê, adorei a iniciativa e conceirto do seu BLOG. Que surpresa bacana e admirável. Quanto à sua sogra amei o relato e posso imginar a pessoa de grande sabedoria e sensibilidade que ela foi e que vc teve a felicidade de conviver. Muita luz para ela e para todos nós. Bjos, Vera

    • 14/03/2011 às 21:01 #

      Tks Veroca! Essa semana nos vemos sem falta, te espero na terça e tb vou ficar com vc um dia no Sirio ok? Bjusss

  7. Renata Gualberto
    14/03/2011 às 21:01 #

    Que lindo, Re! Ela era mesmo especial!
    Amei o blog!!
    Bjs

  8. Regina Gomes de Sousa
    14/03/2011 às 21:01 #

    Renata
    Carola me passou o endereço do seu blog e gostei demais.
    Bonito o seu Ni Ha! Tenho lembranças muito boas da tia Maria José, antenadíssima e sempre à frente do seu tempo! Para mim, foi a primeira pessoa que falou de iogurte, comida natural, ioga e outras excentricidades nos longínquos anos 50!
    beijos, parabéns e muitos leitores!
    Regina

    • 14/03/2011 às 21:01 #

      Obrigada Regina! As histórias da D. Maria José rendem muitos posts né? Tudo o que ela fazia era interessante, diferente sempre bem “pra frente”! Bjssss

  9. 14/03/2011 às 21:01 #

    Re…..parabens pelo blog….adorei!!! já assinei, assim não perco nada!!! curti cada um destes posts….e sua sogra especialmente…um exemplo!!! bj gde

    • 14/03/2011 às 21:01 #

      Obrigada Nice! D. Maria José tem muitas histórias que merecem ser contadas. Bjsss

  10. Kanguru
    15/03/2011 às 21:01 #

    Apos uma palestra espiritualista, uma senhora de 87 anos veio conversar com meu amigo palestrante.
    Ela estava cursando 1ºano de medicina.
    Qdo perguntada da possibilidade de nao vir a exercer a profissao no futuro dada a idade avancada, a resposta foi simples.
    ” Nada se perde. Se nao for agora estara guardado para o amanha. ”

    Parabens pelo blog querida

    Mil bjs

  11. Simone Varandas
    15/03/2011 às 21:01 #

    Oi Renata,

    Que iniciativa bacana! Já pedi para ser notificada dos novos artigos, vou reparar e estar atenta às reparações de vocês!
    Sogra querida, fonte de inspiração…

    • 15/03/2011 às 21:01 #

      Tks Simone! Repare sim, e mande pra cá! Bjssss

  12. Laura
    17/03/2011 às 21:01 #

    Caramba… que história linda!!
    Lição de postura de vida e de construção de relacionamentos…
    Acreditar que podemos fazer diferença, faz toda a diferença!!!!
    Grande exemplo!! Adorei!!

    • 17/03/2011 às 21:01 #

      Oi Laura, obrigada pelos comentários, pelo incentivo, pelo carinho. Mande reparações aí do Centro Oeste, ou de onde estiver, qdo quiser! Bjosssss Renata

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: