arquivo | março, 2011

Yes, We Can!

Muita coisa se falou sobre a vinda do Obama ao Brasil: que considerando a comitiva, não é uma visita, é uma invasão; a questão afetiva sobre a Cinelândia; os figurinos da Michelle… e por aí afora. Não sei se alguém reparou na Sasha, filha mais nova do presidente. Aos 7 anos, em todas as fotos ela demonstrou um misto de tédio e ódio. Ficou lá assistindo capoeira, acompanhando os pais nesses eventos chatérrimos para uma criança. Nada para se distrair: ipod, laptop, DS, nada. Se pelo menos o Lula não estivesse de mal, ela teria o figurino da D. Marisa Leticia para se divertir. Nem isso. Deve ser um saco ser filha de presidente. Aliás, deve ser um saco ser esposa de presidente. Li na Folha que a Michelle foi para esse evento diminuto, com 35 pessoas e usando bege, para não ofuscar a agenda do marido. Eu hein? Lembrei daquela piada antiga, em que o Clinton e a Hillary estavam passando em frente a um posto de gasolina e ela comentou:

Olha Bill, namorei aquele frentista!  

Quer dizer que hoje você seria esposa de um frentista?  

Não querido! ELE seria o Presidente…

(RM)

Reparei…

…que domingo pede padaria. Adoro os nomes: Letícia, Nova Charmosa, Danielle, Dengosa, Belíssima, e a maravilhosa… da foto ao lado.

Rua Humberto I, Vila Mariana, SP.

Yummy

Henrique é meu personal trainer e além de dar aulas de ginástica ele gosta de cozinhar. Vira e mexe trocamos receitas. A  do bolo de amendoim demorei tanto pra conseguir que  acabei formulando hipóteses:

1. O professor ta me achando fortinha, não merecedora de açucar.

2. Ciúmes. Ele quer patentear a fórmula, lançar “O Melhor Bolo de Amendoim do Mundo” e enriquecer das fatias.

3. Ele acredita que vou processá-lo por crime de aconselhamento bi –polar: de manhã 300 abdominais, à tarde bolo de amendoim.

Mas tanto pedi que consegui. Vai bem com café fresquinho, as 4 da tarde. O meu ta dourando no forno. Dá pra sentir o aroma diet? Repita antes de comer: eu quero, eu posso.

Bolo de Amendoim do Henrique

0.5 xicara leite / 1 xicara farinha / 2 ou 3 xicaras açucar / 4 xicaras amendoim moido sem casca, torrar antes /  5 claras em neve e 5 gemas / 1 colh sopa manteiga / 1 colh sobremesa de fermento cheia

Misture  os secos, incorpore os molhados/ Fermento, clara em neve / Forno medio, 175°, 30 mins.               (RL)

A Vida dos Outros

Amo biografias. Sou fascinada por elas. Me interessa menos os feitos do biografado, mas muito a complexidade da sua existência. Não gosto de personagens planos: os sempre bonzinhos, os previsíveis. Me empolgo com personalidades que possuem certa dualidade, que ao fim da leitura me deixem com aquela inquietação. Com essa inquietação vou adiante, me redescubro,  encontro mais um cantinho dentro de mim que não conhecia. Na verdade com a vida deles, vou construindo a minha…

Seguem algumas biografias que mais gostei:

  • Albert Speer Sua luta com a verdade – Gitta Sereny
  • A Autobiografia de Alice B. Toklas – Gertrude Stein
  • Chatô O Rei do Brasil – Fernando Morais
  • Montenegro As aventuras do marechal que fez uma revolução nos céus do Brasil – Fernando Morais
  • Peggy Guggenheim A Vida de uma viciada em arte – Anton Gill
  • Shakespeare and Company Uma livraria na Paris do entre-guerras
  • O Trauma Alemão – Gitta Sereny
  • Vale Tudo Tim Maia – Nelson Motta

Indicações da Renata:

  • Carmem A vida de Carmem Miranda, a brasileira mais famosa do século XX – Ruy Castro
  • Clara Nunes Guerreira da Utopia – Vagner Fernandes
  • Maysa Só numa multidão de amores – Lira Neto
  • Estrela Solitária Um brasileiro chamado Garrincha – Ruy Castro

Em tempo: no momento leio Vida de Keith Richards e na fila tenho Roosevelt e Hopkins. Depois conto se vale a pena!     (RM)

Reparei…

…que os ladrões de hoje caçam o luxo e o lixo! Rua Lopes Neto, Itaim, SP.

Lá em casa

A professora de espanhol pediu aos alunos  que reparassem no ano em que nasceram. No caso da minha adolescente, a pesquisa resultou num emocionante documento bilíngue, que não aguentei não publicar:

“ Nací el 19 de diciembre 1996. Ese año se va a los Juegos Olímpicos de Atlanta y Brasil estaba participando. Desgraciadamente ocurrio a explosión de una bomba no Centennial Olímpic Park resultando en duas mortes. Los actores más famosos desse año eran Nicolas Cage y Susan Sarandon y los cantantes más famosos eran Netinho y Xuxa qui són muy famosos até hoy. En el cine estaban passando muchas peliculas por ejemplo : Hit Me, Fargo, Ghosts from Misssissipi, Down Periscope, etc. Las canciones más tocadas en el radio eran Macarena (Los del Rio), Because You Loved Me (Celine Dion), Nobody Knows (Tony Rich Project) y Always Be My Baby (Mariah Carey). Mi infancia foi muy buena.”

(RL + colaboradora Isabel)

St. Patrick’s Day

Se você quer um motivo para sair e se divertir com os amigos, aproveite : hoje comemora-se o St. Patrick’s Day, dia da morte do padroeiro da Irlanda, São Patrício. As pessoas vestem-se de verde (pela tradição quem não usa pode ser beliscado) em referência ao trevo, símbolo da Irlanda, que St. Patrick usava como metáfora para explicar a Santíssima Trindade (Pai, Filho, Espirito Santo). O que achei mais curioso é que o primeiro desfile em 1762 aconteceu nos EUA, por soldados irlandeses que serviam na América: acabou se tornando o maior desfile civil e mais antigo dos Estados Unidos. Já na Irlanda, comemora-se durante todo o mês de março, com muita bebida, comida e músicas típicas. A cerveja irlandesa Guinness é quem patrocina o evento – na Irlanda e em mais 150 países. Se você não bebe, não fique preocupada: a Sandy Devassa ganhou cachê milionário, foi de camarote e não bebeu nada! Confira abaixo relação de bares que comemoram o St. Patrick’s Day em São Paulo:

 www.allblack.com.br

 www.barcharles.com.br

 www.finnegans.com.br

 www.kiaora.com.br

 www.melograno.com.br

www.omalleysbar.net

www.pjclarkes.com.br

www.rhinopub.com.br

www.stjohns.com.br

www.thebluepub.com.br

Em São Bernardo do Campo:

              www.liverpoolbar.com.br

(RM)

Reparei….

…que desde hoje cedo ser Bethânia é o canal.

http://www1.folha.uol.com.br/ilustrada/890141-turne-de-bethania-comeca-amanha-polemica-segue-na-web.shtml

Colírio Urbano

Alguém colocou uma vaca malhada com as patinhas penduradas pra fora, no alto de um prédio na Marginal Pinheiros, entre a Tucumã e a Angelina Maffei Vita. De lá, se a vaquinha olhar pra direita deve dar pra enxergar o relógio que outro alguém pregou no alto de uma palmeira, na praça Germânia. E se os prédios atrás da bovina não fossem tão altos, se ela esticasse bem o pescoço, poderia quem sabe avistar a chaminé fantasiada de pescoço de girafa, de uma lanchonete na Rua Amauri. Por último, se a vaquinha lançar patas aos binóculos num dia limpidíssimo, talvez consiga localizar a bicicleta toda pintada de branco que outro outro outro alguém pendurou no topo de um poste, na Av. Vereador José Diniz, esquina com a Rua dos Brasões. Esses pequenos colírios urbanos me ajudam a conviver e a perceber que tem gente que realmente não convive . Vejam só: hoje eu vi um sujeito fazendo a maior grosseria pra um guarda do Clube Pinheiros, na entrada da garagem. Chutou o cone, quase atropelou o funcionário. Eu passava por ali e tinha acabado de ver a vaquinha. Com certeza esse cara não viu.  (RL)

Reparei…

que o tempo de voo é menor que a espera pelo taxi em Congonhas…

%d blogueiros gostam disto: