Confusão Oriental

Eu também não sei distinguir os povos orientais, que isso fique claro. Mas assim como não gosto de esclarecer que Buenos Aires não é a capital do Brasil, acredito que nenhum japonês goste de explicar que não é chinês e vice-versa. Pois bem, ontem estava com uma pessoa – por quem tenho muito carinho – aguardando uma terceira que nos seria apresentada. Extrovertida, ela chegou e foi logo tomando as rédeas do diálogo a seguir:

– Arigato, yakisoba!

– ????

– São as únicas palavras que sei em japonês!

– …Mas eu sou coreana.

– Aaaah japonês, chinês, coreano, é tudo o mesmo tsunami!

– !!!!!

– E então, o que vai ter pro almoço? Rolinho primavera?

– !!!!!

E assim seguimos, uma pérola atrás da outra, tarde adentro. Até que uma luz de esperança, por um breve momento, se acendeu: ela decidiu conhecer um pouco mais sobre a cultura oriental. Em Toronto…  (RM)

Categorias: Uncategorized

Autor:reparei

"Se podes olhar, vê. Se podes Ver, repara." (José Saramago)

Assinar

Assine nosso feed RSS e nossos perfis sociais para receber atualizações.

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: