Metáforas

No filme O Carteiro e o Poeta, Mario (o carteiro) se apaixona por Beatrice. Não é uma paixão qualquer. É uma paixão avassaladora, sufocante. Não é uma paixão para um simples ‘eu te amo’. É preciso mais para mostrar a dimensão e a intensidade dessa paixão. Ele vai ao encontro de Neruda em busca de um poema que mostre a Breatrice o quanto esse amor o está consumindo. E Neruda não lhe dá o poema. Vai além. Ensina Mario usar metáforas. E com metáforas Mario consegue então exprimir sua ardente paixão para Beatrice. Assim como Mario, gostaria de saber usar metáforas para demonstrar como verdadeiramente me sinto em determinadas situações. Quando, por exemplo, vou caminhar na lagoa sem meu marido. Ou quando consigo sentar calmamente em um café e ler um livro. Ou quando vejo o resultado de meses de esforço e dedicação da minha filha mais velha no palco. Mas não sei usar metáforas. Não sei como dizer que gostaria que meu marido estivesse ao meu lado, passo a passo. Ou o quanto me sinto bem em me dedicar alguns momentos de prazer. Ou o quanto admiro minha filha. Me rendo a simplicidade e defino essas situações com adjetivos estreitos. Digo apenas que sinto saudade, felicidade, orgulho, quando na verdade gostaria de dizer muito mais… (RM)

Categorias: Uncategorized

Autor:reparei

"Se podes olhar, vê. Se podes Ver, repara." (José Saramago)

Assinar

Assine nosso feed RSS e nossos perfis sociais para receber atualizações.

4 Comentários em “Metáforas”

  1. Sarah
    06/07/2011 às 21:01 #

    Olà! Quando li a palavra ” metafora” antes de ler o post, pensei neste filme.
    Acho que foi um dos filmes mais bonitos que eu vi. E a parte das ” metaforas ” a mais emocionante!!!!!!!

  2. Luciana S Raymundo Laska
    06/07/2011 às 21:01 #

    Re, tu achas que ainda é preciso dizer mais do que dissestes? A simplicidade de tuas palavras já deixou claro o sentimento que tens!!!!
    Tens a minha admiração!
    Beijo grande,
    Lu

  3. Tiu Caco
    07/07/2011 às 21:01 #

    é sério, quando ví esse filme, em casa, fui parar no pronto socorro de um hospital. Queria muito ver outra vez mas tenho medo. É lindo mas me “nocauteou”.

  4. andrea covolo correa
    09/07/2011 às 21:01 #

    Oi Re,
    Você disse lindo, quem liga pra metáforas?
    Bjos
    ps: vou ter que ver o filme outra vez…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: