Carga genética

Herdei do meu pai o vicio de anotar. A vida inteira ele teve um bloquinho e uma caneta Cross à postos no bolso. Anotava absolutamente tudo. Minha irmã é igual, repete o gesto com uma letrinha impecável, retíssima, sem nenhuma rasura. Já eu devo ter recebido apenas metade dos genes pois minhas anotações parecem estratégia de guerra. Escrevo, rabisco, puxo flechas, atropelo tudo, abrevio, escrevo em código e, muitas vezes, nem eu entendo mais. Pior que acaba dando certo. Outra coisa que ela herdou por inteiro e eu pela metade foi a intimidade com mato. Eu sou turista. Adoro passar ferias, tiro mil fotos, me acabo no doce de leite, de abóbora, banana, curau de milho e quando a calça aperta está na hora de voltar. Ela faz o contrário: vive e trabalha na fazenda. Acorda as 5 da manhã e “larga” as 8 da noite todos os dias, feliz. Cinema e restaurante só em abril, setembro e dezembro. Meu pai também. Aos 50 e poucos  foi embora pra Goiás e depois pro Pará, sem água quente durante 15 anos. Tem que amar mesmo pra abrir mão desse conforto. Mas como eu falei, recebi apenas metade da carga genética então é natural que eu seja assim repartida. Adoro muitas coisas, entre elas, fazenda. Só que também amo banho quente então…procuro negociar com as células ancestrais pra me equilibrar nessa correnteza de influências. Aprendi a fazer isso direitinho. Sendo a filha do meio, meio DNA me basta. E sabe como eu sei que a química deu certo? É simples. Estou voltando pra casa, com a dose anual de natureza na veia, com saudade do marido, da filha, do meu caderno amarelo e da minha vidinha exatamente como ela é.

Assim encerro a temporada de post rurais. E não se preocupem, meu pai tá ótimo e até aposentou a mania de banho gelado.     (RL)

Categorias: Uncategorized

Autor:reparei

"Se podes olhar, vê. Se podes Ver, repara." (José Saramago)

Assinar

Assine nosso feed RSS e nossos perfis sociais para receber atualizações.

um comentário em “Carga genética”

  1. Sarah
    11/07/2011 às 21:01 #

    A marina larga as 8, ” janta” as 8:30…
    Mas Carneiro NAO!!!!!
    voce continua com a moda de comer a famigla…. De tudo me lembro como se fosse ontem de PT- DYI… ele pode ser ” campestre” mas sabe muito bem oque é bom!!!!!!!!!kkkkkk e vocês 3 tambem!!!!!!
    Bem tornada a casa!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: