Debaixo de sete chaves

Nunca faço projetos no inicio do ano. Fico bem feliz se dou conta da minha casa e das milhares de coisas que minhas filhas resolvem fazer. Me reservo o segundo semestre, quando já absorvi a dinâmica que estou vivendo. Pois bem: o projeto para esse ano, após dois anos parada, é voltar a trabalhar. Portanto, me dediquei ao exercício de escolher uma nova função. Como não quero mais nada relacionado a administração, tentei descobrir quais outras aptidões eu tenho. E não é que não encontrei nenhuma?! Mas assim, ne-nhu-ma! Não levo o menor jeito para artes manuais: me furo, me corto, me queimo, me colo… Aliás, não levo o menor jeito para arte nenhuma: não canto, não pinto, não danço, não cozinho… Não entendo nada desses assuntos de mulher: estria, celulite, dieta, moda, maquiagem… Ai, que tristeza! Tão chato ser uma pessoa mais ou menos. Que depressão. Viver sem saber fazer nada direito é no mínimo desolador.  Até que me ocorreu uma coisa que sei fazer bem: amigos. Tenho os melhores e mais queridos amigos que alguém já sonhou encontrar. Tudo bem que essa aptidão não se encaixa em nenhuma função. Mas to nem aí… nesses dois anos consegui viver sem trabalhar. Já sem meus amigos… (RM)

Categorias: Uncategorized

Autor:reparei

"Se podes olhar, vê. Se podes Ver, repara." (José Saramago)

Assinar

Assine nosso feed RSS e nossos perfis sociais para receber atualizações.

4 Comentários em “Debaixo de sete chaves”

  1. Luciana Südickum Raymundo Laska
    05/08/2011 às 21:01 #

    Menina….esquecestes que tens uma aptidão excelente para escrever, contar histórias, entre outras (ser exemplo de mãe, por exemplo)….tens tantas histórias, que tal um escrever um livro? Fica a dica! Beijos

  2. Paula Blandy
    05/08/2011 às 21:01 #

    E no Terceiro Setor já pensou em trabalhar?! Se quiser conversar sou cheia das possibilidades! Bjs

  3. 05/08/2011 às 21:01 #

    É verdade! Ninguém conta uma história como você!!! E só pra te contar: ser uma mãe igual a você já é incrível! E te conto outra coisa: você tem essa facilidade de fazer amigos porque é uma pessoa muito cativante e porque você tem muito amor pra dar! Confesso que conhecer você e suas meninas foi um dos pontos altos do meu 2011!!! Beijo enorme e com muuuita saudade!

  4. Maria Teresa lobue paulin
    05/08/2011 às 21:01 #

    Ahhhh, menina, dá vontade de copiar Vinícius e te dizer: Olha que coisa mais linda mais cheia de graça… essa sua aptidão não é coisa pra qualquer um, não. Aliás, a aptidão pressupõe fazer e manter. Amizades todos fazem. Manutenção? Quase ninguém investe, isso dá um trabalho…algo parecido à educar filhos, todos os dias, religiosamente, nutrindo e compartilhando momentos. e isso, amiga, com certeza vc sabe bem fazer. Te amo!!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: