Severina, um furacão Pernambucano

Aos 9 anos de idade, o pai ficou “seu dono”. A mãe fugiu quando ela tinha 21 . Até os 38, apanhava e sofria abuso no mínimo 3 vezes por semana. Teve 12 filhos, 7 morreram. Severina é o nome dela. Passou 1 ano e meio na prisão e agora, finalmente, está solta. Foi absolvida mesmo assumindo que pagou 800 reais pra matarem o animal que era seu pai. Na minha opinião o Estado deveria reembolsá-la. Esse homem não valia um centavo. Lendo a reportagem da Folha de São Paulo soube que Severina só achou coragem pra reagir quando o pai lhe ordenou que entregasse sua menina, ao mesmo tempo filha e neta dele, pra encarar o mesmo pesadelo. Foi nessa hora que Severina percebeu que tinha dentro dela a força de um furacão…aí ela devastou o estrupício.   (RL)

Categorias: Uncategorized

Autor:reparei

"Se podes olhar, vê. Se podes Ver, repara." (José Saramago)

Assinar

Assine nosso feed RSS e nossos perfis sociais para receber atualizações.

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: