Grandeza

Qual o prazer em ser detestável? Não entendo essas pessoas que assumem essa postura de serem odiosas. Seja pela arrogância, pelos comentários inoportunos, pela indiferença. O prazer em destruir, em magoar, em ofender só pode ser obra de uma mente doentia, não entendo de outra forma. Uma mente saudável prospera, agrega, não se atém a mesquinharia. Não espera perfeição. Existem pessoas que nasceram para tornar o mundo melhor e outras que nasceram para emperrá-lo. Prefiro ficar ao lado de quem faz do mundo um lugar agradável, sensível, justo e acolhedor. Aos demais, que se agarram as misérias do dia-a-dia, que vivam acompanhados da própria mediocridade. (RM)

Categorias: Uncategorized

Autor:reparei

"Se podes olhar, vê. Se podes Ver, repara." (José Saramago)

Assinar

Assine nosso feed RSS e nossos perfis sociais para receber atualizações.

2 Comentários em “Grandeza”

  1. Teresa
    24/09/2011 às 21:01 #

    Que mêda dessa pessoa que destroça as mazelas da humanidade… Muito bem meninas, vamos seguir chutando os paus das barracas…chega de tolerância em nome dos bons modos…com quem insiste em viver à seu modo!!!! Bjs

  2. Sarah
    25/09/2011 às 21:01 #

    Amei vou traduzir em italiano e distribuir. Posso ?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: