Harakiri

O carro estacionado na vaga de idosos me causou espanto, por isso achei melhor alertá-la. Se o carro no lugar errado já havia me assustado, o argumento que escutei foi de arrepiar: isso aqui é um shopping, o que eles podem fazer? Me multar?! E o carro continuou lá. Além de não ligar pro certo e errado, o povo perdeu a vergonha? Os japoneses cometem suicídio para manter a honra e não envergonhar a família. Não quero que ninguém morra por honra ou vergonha, afinal faltariam funerárias e perderíamos muitos amigos, mas um exame de consciência, as vezes, vale a pena. Vale inclusive fazer esse exame com certa freqüência, do contrário podemos ser acometidos por uma amnésia, como no caso do ministro e a ONG, a viagem, o avião… Enfim, é fácil esquecer os erros em uma sociedade que não se envergonha, onde ética é premissa de otários. Experimente comentar em uma roda de amigos que você não permite dvds pirata na sua casa, que seu filho não pode usar RG falso, que seus impostos são pagos em dia, que você não dá um jeitinho… Coisa de otário. Nossa sociedade prima pelos espertalhões, pelos que se safam, os que se dão bem. Por mais incrível que pareça, não ficamos indignados com casos de suborno, desvios, corrupção. Nos causa espanto a atitude do tenente que não aceitou a proposta milionária do traficante Nem. A recusa, de tão absurda, virou notícia. Para alguns um herói, para outros um otário. Não deveria ser nem um, nem outro. Mas em um país de sem-vergonhas, os éticos são notícia. (RM)

Categorias: Uncategorized

Autor:reparei

"Se podes olhar, vê. Se podes Ver, repara." (José Saramago)

Assinar

Assine nosso feed RSS e nossos perfis sociais para receber atualizações.

4 Comentários em “Harakiri”

  1. Rubinho Leonaldo
    18/11/2011 às 21:01 #

    Como já dizia João Ubaldo Ribeiro…….. O problema é a matéria prima……..

  2. Patricia
    18/11/2011 às 21:01 #

    Como é difícil , por incrível que pareça ,agir com ética e respeito nessa sociedade corrompida, prefiro ser ótária, mas conservar meu caráter e minha integridade.
    ..É preciso ter coragem e peito para assumir que estamos na maré contrária aos valores adotados…..experimente também nunca dizer a um telefonema daqueles sacais o qual não quer atender,… que não está em casa e imaginar na repercurssâo que daria na cabeça dos filhos….os bons exemplos valem mais que mais que mil palavras…..Parabéns é de pessoas assim que o mundo atual está carecendo daqueles que não tem medo de botar a boca o trombone….

  3. Lucas
    18/11/2011 às 21:01 #

    ” Eu amo o Brasil, odeio os brasileiros ”

  4. Cristiane
    18/11/2011 às 21:01 #

    Então…. de acordo com o texto, sou uma otária assumida e feliz de sê-la!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: