A idade certa*

Resolvi fazer um curso no período da tarde. Imaginei que meus colegas de classe seriam estudantes, jovens em busca de novos conhecimentos. Pois bem, para minha surpresa, sou a mocinha da turma. Meu grupo é formado por várias senhorinhas e um senhor fofíssimos, como diriam minhas filhas. É a primeira vez que faço alguma coisa com grupo de pessoas mais velhas e estou adorando. Não há interrupções com piadas desnecessárias, os comentários são sempre pertinentes e a aula torna-se ainda mais rica com as contribuições deles. Não procuram chamar a atenção para si, não bajulam o professor e falam sobre suas experiências com a naturalidade de quem já percebeu que a vida é feita dessa troca. A aula passa voando. Os orientais tem essa cultura de valorizar o conhecimento e a experiência dos mais velhos. Infelizmente, nós não temos. Uma pena. Nesse curso por exemplo, aprendo mais com eles que com o jovem professor. (RM)

* plagiando descaradamente o título do texto da Renata.

Categorias: Uncategorized

Autor:reparei

"Se podes olhar, vê. Se podes Ver, repara." (José Saramago)

Assinar

Assine nosso feed RSS e nossos perfis sociais para receber atualizações.

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: