Meu iaiá, Meu ioiô

Basta ter coragem pra se libertar, viver, amar!

Tinha a intenção de fazer um post sobre essa figura folclórica que o Wando se tornou. O feio que muita mulher queria ter – como disse uma fã de calcinha na mão. O amante das mulheres, o maior representante do romantismo brasileiro, apaixonado, brega, obsceno. Um romântico que não poderia ter outro fim, senão morrer do coração. Mas não consegui. Fui atrás das suas músicas e delas extraí alguns fragmentos: (RM)

Eu esqueço que sozinho
Eu nasci e vou morrer.

A solidão me invade
E eu fico amargurado.

Moça, me espere amanhã

Levo o meu coração

Pronto pra te entregar.

Eu te dou o que for preciso…

Moça, eu te prometo!

O destino que te trouxe

E o amanhã só Deus dirá

Mas teu olhar tão frio
Me diz pra me esquecer.

Não é preciso você dizer
Eu sei: chegou a hora….

É duro pra mim acreditar
E ver esse adeus no teu olhar

Wando (1945 – 2012)

(Deus te proteja de Mim/ Moça /Vá, mas Volte / Essência /Acho que estou perdendo você/Duas Lágrimas)

Categorias: Uncategorized

Autor:reparei

"Se podes olhar, vê. Se podes Ver, repara." (José Saramago)

Assinar

Assine nosso feed RSS e nossos perfis sociais para receber atualizações.

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: