O reparei corre perigo

Escrever bem, com naturalidade, é difícil pra caramba. Por isso me inscrevi num curso, comecei ontem. De cara aprendi que economizar palavras é o canal, nada de textos transbordantes. Que usar termos genéricos como ‘em geral’ e ‘na maioria’, é abominável. Adjetivos então, coisa de amador. Amor, dor, bondade, justiça são palavras que já deram o que tinham que dar, não podem ser escritas apenas demonstradas. Da teoria passamos à leitura dos mestres. Epa! Sacanagem atacar de Dalton Trevisan logo na primeira aula. Pra mim isso é uma ação onde subentende-se: caia fora aluna prolixa, antes de pagar um micão. Veio o dever de casa: 30 linhas pra descrever a frieza de um assassino prestes a matar sua vítima. Tenho até amanhã pra entregar o criminoso. Por isso deixo registrado: esse é meu último post escrito assim, como vim ao mundo. Não sei qual será meu futuro no mundo das letras, posso me tornar uma pessoa violenta, uma escritora curta e grossa, sei lá, mil coisas. Por enquanto só sei que esse pequeno desabafo deveria ter a metade do tamanho. Grrrrrr. (RL)

Tags:, ,

Categorias: Uncategorized

Autor:reparei

"Se podes olhar, vê. Se podes Ver, repara." (José Saramago)

Assinar

Assine nosso feed RSS e nossos perfis sociais para receber atualizações.

10 Comentários em “O reparei corre perigo”

  1. Paula
    23/03/2012 às 21:01 #

    Re, qual o curso? Me interessei!

    • 23/03/2012 às 21:01 #

      Oi Paula! Na Casa do Saber, com a Noemi Jaffé, quartas, das 20h as 22h. Vai lá!! Bjss

  2. Paula
    23/03/2012 às 21:01 #

    (consegui escrever bem curtinho?)

  3. Sarah
    23/03/2012 às 21:01 #

    Oh Dio! E eu que acho que você escreve a perfeição !!!! Imagine só quando você ler os comentários cretinos e mal escritos mó meu português de 20 anos fora do Brasil !!!!!!
    Você vai me cancelar da tua lista !!!!!!
    Ultimo post mesmo! Você disse tudo!!!!!!

  4. Vera Melchert
    23/03/2012 às 21:01 #

    Acho que tudo na vida é uma questão de perspectiva. Seu texto como são, são ótimos, divertidos e sempre trazem ao leitor uma mensagem. Cuidado. Não queira mexer em time que está ganhando. beijos

    • 23/03/2012 às 21:01 #

      Tks Veroca! A profa. é uma pessoa bem legal, amo as coisas que ela escreve e com certeza vou aprender muito!! Bjs

  5. Vera Melchert
    23/03/2012 às 21:01 #

    leia-se: seus textos no meu comentário anterior, por favor.

  6. Marina
    24/03/2012 às 21:01 #

    O “correto” normalmente não é tão gostoso!

  7. 24/03/2012 às 21:01 #

    Não perca nunca a naturalidade, é o seu forte.
    Se for para fazer textos “corretos” você pode abrir outro blog e aí sim, mostrar todo talento que brotará após o curso.
    Se você ler como escrevo nos meus blog’s, as vezes até sem noção do que estou postando, eria que seus textos são muito bons.

    • 25/03/2012 às 21:01 #

      Obrigada Pedro! Justamente o que eu quero é escrever naturalmente mesmo. Acho que o curso vai me ajudar muito, mesmo que eu precise primeiro ‘travar’pra depois soltar outra vez. Rsrsrsrs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: